MARQUE SUA CONSULTA
(61) 3327-9835
MARQUE ONLINE

MARCAÇÃO ONLINE

NÃO TRABALHAMOS COM CONVÊNIOS




Estética do Sorriso

Estética do Sorriso


O objetivo da estética dental é promover a harmonia e a beleza do sorriso, unindo as tecnologias da implante dentário, da periodontia, da prótese dentária, da ortodontia e da dentística restauradora ou utilizando-as separadamente. Um bom exemplo de um sorriso belo e harmônico é a confecção de Lentes de contato dentais e facetas de cerâmica em laboratório e posterior cimentação definitiva. Este método promove a correção de desde pequenas imperfeições até problemas de manchamentos e fraturas. Marque já sua avaliação, você merece se dar esse presente!  


IMPLANTES DENTÁRIOS

IMPLANTES DENTÁRIOS


Hoje, a ciência odontológica dispõe da mais moderna e inovadora tecnologia restauradora chamada de IMPLANTE DENTÁRIO

O IMPLANTE DENTÁRIO constitui-se de um cilindro rosqueante confeccionado em titânio, que tem a finalidade de imitar e fazer o papel de uma raíz dentária. O titânio é um metal totalmente biocompatível, ou seja, aceitável pelo tecido ósseo humano promovendo biologicamente o processo chamado de osseointegração, que é a incorporção de células  ósseas e tecido ósseo em íntimo contado com a superfície do titânio, conferindo ao implante firmeza e sustentação. O implante pode substituir a ausência de um dente, de vários, ou de todos.
Se você usa dentaduras e o seu sonho é se livrar delas, hoje com o implante denário, podemos devolver a sua capacidade mastigatória, a segurança do sorriso e a sua auto-estima. Não perca essa oportunidade!!
 

São classificados em:
 

IMPLANTES CARGA IMEDIATA

Ao se instalar o cilindro cirurgicamente, a coroa do dente, ainda que provisória, é instalada no dia seguinte à cirurgia.
 

IMPLANTE CARGA TARDIA

Após instalado, deve-se esperar o período de osseointeração que varia de 4 a 6 meses para a confecção das coroas definitivas.
 

Estão presentes no mercado em diferentes formatos e características:

IMPLANTES CURTOS 

São uma excelente opção para aqueles pacientes que gostariam de "pular" a fase dos enxertos ósseos. Saiba que vc pode diminuir o período de tratamento, obtendo resultados mais rápidos e eficazes! O que são implantes curtos? São implantes dentários com o comprimento igual ou menor do que 8mm. Quando são indicados? Quando o paciente apresenta perdas ósseas acentuadas nos maxilares e não gostariam de se submeter a cirurgia de enxerto ósseo, ou quando existe a proximidade de estruturas importantes como nervos em regiões que devem ser preservadas no ato cirúrgico.   Qual a eficácia desse tipo de tratamento? A reabilitação com implantes curtos é tão eficaz quanto a feita com implantes convencionais. Se for executado um bom planejamento, respeitando-se as distribuições de forças durante a confecção das próteses e também o tempo de osseointegração dos implantes, os resultados são fantásticos. Estudos recentes da School of Dental Medicine na Universidade de Harvard, mostram índices de sucesso em torno de 98% com pacientes submetidos a instalação e funcionamento de implantes curtos e  tempo de utilização com média de 10 anos. Observa-se também em publicações brasileiras vários estudos que comprovam a eficácia, seguindo-se os padrões científicos internacionais que garantem a qualidade do procedimento.      
 

IMPLANTE ZIGOMÁTICO

Essa tecnologia livra os pacientes dos enxertos ósseos, tornando o tratamento mais rápido e objetivo, pois trata-se de instalar o implante no arco zigomatico, região facial onde sempre existe ancoragem óssea.  É uma excelente opção para quem procura resultados imediatos.    
 

IMPLANTE DE CERÂMICA

 

Tecnologia européia com histórico de grande sucesso agora ao seu alcance!! O implante de cerâmica é baseado em muitas décadas de estudos e experiência para oferecer uma solução estética singular no tratamento de pacientes com necessidades específicas e com alto padrão de exigência estética. Expande a atuação em tratamentos para os pacientes oferecendo uma solução inovadora. A previsibilidade dos implantes dentários de cerâmica na osseointegração é equivalente a já conhecida aos em titânio. Testes de força mostram que o implante é 100% confiável e graças a cor de marfim do material, trata-se de uma solução de excelência. Através de pesquisas, observou-se que os resultados esperados em quesitos estéticos são mais facilmente alcançados com o uso desses implantes.


Clareamento dental

Clareamento dental


O clareamento é obtido por meio de aplicação de produtos à base de peróxidos sobre a superfícies dentárias com o intuito de tornar mais clara a dentina, parte interna do dente, e o esmalte, camada mais dura e transparente que reveste o órgão dental. Ao contrário do que a maioria das pessoas pensa, o clareamento não promove desgaste dental. Na verdade, o que pode se observar é alguma ou nenhuma sensibilidade dentária durante o tratamento, o que depende da tolerância orgânica de cada paciente.
Os produtos utilizados hoje são o peróxido de hidrogênio e o peróxido de carbamida. Esses produtos deverão entrar em contato com a superície do dente, promovendo a quebra das moléculas de água o que ocasiona a liberação de oxigênio. Esse processo elimina os manchamentos dos tecidos duros dos dentes.
A execução da tarefa pode ser por meio de moldeiras pelo método caseiro ou no consultório ativados por luzes como as de Led, de fotoploimerizadores , ou de dispositivos a laser.
Com esse último, o processo é mais acelerado, o que não anula a eficácia dos anteriores.


Próteses estéticas

Próteses estéticas


São chamadas de restaurações protéticas, aquelas que se destinam a resconstrução artificial de todo o tecido dentário ora perdido devido à cárie dentária ora por outros motivos, incluindo tecido gengival ou não. Hoje, com as tecnologias protéticas disponíveis é possível promover sorrisos ainda mais bonitos e naturais. Próteses confeccionadas com porcelanas especiais ou compósitos resinosos, promoverão ao sorriso do paciente, naturalidade e harmonia,  evidentemente considerando-se todas as características particulares, ou seja, tormnando melhores e mais bonitos os caracteres da natureza de cada indivíduo Existem diferentes opções desses materiais no mercado.  Como exemplo temos a Zircônia e a porcelana feudspática.
 


Cirurgia Oral

Cirurgia Oral


ENXERTOS ÓSSEOS

Os enxertos ósseos são procedimentos que se caracterizam por preencher áreas dos maxilares onde existem perdas ósseas acarretadas por diferentes razões, o que é extremamente normal, pois ao longo da vida a nossa morfologia bucal está propensa a mudanças influenciadas principalmente por fatores externos. Exemplos desses fatores são problemas nos ossos e nas gengivas com decorrente perda de dentes devido ao tártaro,a forças exageradas aplicadas em aparelhos dentais que causam reabsorção óssea, perda prematura de dentes devido cárie dental, acidentes, ausência natural de dentes e doenças de carater genético ou não. A quantidade menor de osso em determinadas áreas pode estar também relacionada a caraterísticas hereditárias.

São classificados em:

Enxertos ósseos autógenos: são aqueles em que o osso utilizado para preenchimento da falha é retirado do próprio paciente, só que de uma área doadora como por exemplo o corpo do maxilar inferior e o queixo.

Enxertos ósseos halogênicos: são enxertos obtidos em indivíduos da mesma espécie. Nesse caso, como os seres humanos apresentam características genéticas que os diferem em diferenças orgânicas particulares, é necessário que o tecido ósseo adquirido passe por processos de esterilização complexos a fim de eliminar possíveis vírus, bactérias ou agentes contaminantes. Em suma, aproveita-se somente a parte mineral desse material.

Enxertos ósseos xenógenos: existem no mercado hoje uma vasta gama de materiais sintéticos produzidos em laboratório que apresentam funções biológicas e biocompatíveis excelentes. São utilizados em larga escala dentro da odontologia com ótimos resultados e altos índices de sucesso. A principal função desses materiais é a capacidade de formarem uma matriz no local onde há a falta do osso. Nesse caso, o próprio organismo vai se encarregar de depositar novo osso na área daquela matriz. Pode-se dizer então que esses enxertos classificam-se em osseoindutores e ósseocondutores. Alguns exemplos desses biomateriais são as malhas de titânio, compostos cerâmicos, hidroxiapatita, cimentos de fosfato de cálcio e vidros bioativos.

EXTRAÇÃO DE TERCEIROS MOLARES

Com a evolução da espécie humana, algumas características que antes eram necessárias no organismo vâo perdendo a função com o passar das centenas de anos. Um exemplo disso, é a presença do dente do “ciso”. Observa-se através de vários estudos, na maioria dos casos, que esses dentes não são necessários e suas funções na mastigação são pouco efetivas. Salvo casos em que a as arcadas se apresentam com dentição completa e sem interferências em posicionamentos dentários devido a presença dos terceiros molares. A dificuldade de higienização devido a mal-posicionamentos dentários além de levar à cárie dental, pode provocar outras infecções como por exemplo as pericoronites.
Ressalta-se lembrar  que a retenção desses dentes dentro dos ossos podem causar problemas como cistos odontológicos e outras patologias, onde faz-se necessária a retirada dos mesmos para promover saúde e prevenção.


Dr. Fernando Brasil

DR FERNANDO BRASIL ODONTOLOGIA


(61) 3327-9835



(61) 9 9675-0795 (61) 9 9421-6023



nandobrasil75@gmail.com



SRTVN Q 701 Bl C Sala 127 B
Centro Empresarial Norte
CEP 70.719-000 - Brasília/DF - Brasil

PROCURAR ROTA